Marceneiro e designer: um documentário sobre Pierluigi Ghianda

O poeta da madeira

Chamaram-no "o poeta da madeira", pela paixão que o anima e pelo conhecimento profundo da madeira, um material vivo que nunca morre. Pierluigi Ghianda, marceneiro, quando em sua Bottega a Bovisio Masciago une as peças que vão compor uma peça de mobília, ele faz sem usar as unhas, que poderiam "ferir a madeira", e as substitui por juntas, das mais simples às complexas, como os da obra-prima de Quioto, feita para Frattini, uma mesa criada a partir de 1705 juntas para formar uma textura de 1600 furos quadrados em que jogam luzes e sombras.

As criações

As criações dos Ebianistas Ghianda, quer sejam de preciosas essências de madeira, como os bois de rosa ou ébano, e nascem das madeiras de pêra mais comuns, são sempre feitas com uma perfeição rara, polida e educada com a mão. especialista e paciente.

Solicitado pelas empresas mais prestigiadas (Hermès, Rolex, Knoll, Rosenthal, ClassiCon, Dior, Memphis, Rochas, Pomellato, Padova, Loro Piana, Thomas), Pierluigi Ghianda, que gosta de se chamar "um antigo carpinteiro de Brianza", colaborou com os designers mais conhecidos (Aulenti, Bellini, Frattini, Max Bill, Boeri, Castiglioni, Sottsass, Vignelli, Monzini, Raggi e Puppa, Sapper, Eileen Grey, o Noorda, Barokas, Cibic, Slegten & Toegemann) e trabalhar por mais de setenta anos com o mesmo entusiasmo e a mesma paixão que faz dele um marceneiro antiquado, comparável apenas aos grandes mestres do passado.

Marceneiro e designer: um documentário sobre Pierluigi Ghianda: O homem que assina Wood

Para este personagem, marceneiro que com seu trabalho traçou um fio condutor na história do design italiano, Studiolabo de Milão, em colaboração com Patrizio Sacco e Bottega Ghianda, dedica um filme inédito, intitulado "O homem que assina a madeira"., que mostra a evolução da relação entre artesanato e design desde o período pós-guerra até hoje, no fundo de um território, Brianza, que é um dos locais de origem da produção de excelência italiana.

O documentário conta a história do ebanista e seu sucesso e as diretrizes para o futuro da companhia Brianza são extraídas das palavras do próprio Pierluigi Ghianda e daqueles que o conheceram e trabalharam com ele.

O trailer do filme é visível no endereço web www.studiolabo.it/documentario-ghianda

A cópia completa está à venda em:

- Edições Unicopli, via Andreoli 20 Milan

- Libraccio, via Candiani 102 Milão

- Livraria Anteo, via Milazzo 9 Milan

- O Arquivolto de Silvio San Pietro & C. sas, via Marsala 2 Milan

- Valcucine Ecobookshop, Corso Garibaldi 99 Milão